Home > Arquivo > Subsídio à suinocultura

Arquivo

Arquivo

Subsídio à suinocultura

Cotação

O governo federal anunciou ontem R$ 30,4 milhões em subsídios ao escoamento da carne suína, que se acumulou no mercado interno após embargos da Rússia e da Argentina. Será concedido prêmio de R$ 0,40 por quilo escoado, o que, na prática, significa que o produtor vai receber R$ 2,30 por quilo, uma espécie de preço mínimo provisório com validade até o fim de dezembro.

Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), devem ser desovadas 76 mil toneladas. A Associação Paranaense de Suinocultores (APS) ainda avalia o pacote. O presidente da entidade, Carlos Francisco Geesdorf, disse que o setor temia não receber esse apoio. Os subsídios serão concedidos por meio de leilões com Prêmio de Escoamento do Produto (PEP) e Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro). “Vamos tirar do mercado 50 mil toneladas de produto”, disse o secretário nacional de Política Agrícola, Caio Rocha.

Em sua avaliação, o consumidor deve sair ganhando, uma vez que os subsídios inibem reajustes no preço final da carne suína. As medidas devem ampliar a oferta de suínos no Nordeste do país. “Com o subsídio, a carne que está nos frigoríficos vai para a região, que consome 30 milhões de toneladas por mês.”


      • NOTÍCIAS MAIS COMENTADAS
      • QUEM MAIS COMENTOU